domingo, abril 13, 2008
0

Com o tempo, para além do black (ler), que todos os dias perto das 8 horas e 30 minutos vem ao armazém, também o encarregado dos trabalhos da empresa começou a vir cá, umas vezes acompanhado do preto, outras sozinho, um macho que também me podia comer como quisesse...

A cara é de sacana, de gozão, é alto e encorpado, mais para o definido, peito razoavelmente peludo pelo que se vê na gola do pólo de trabalho, braços largos e mãos grandes, dedos enormes e, o melhor de tudo, quase de certeza um bom caralho, talvez 21cm, o que a juntar ao cenário anterior e à voz de homem, o faz um excelente candidato a boa foda.

Também neste caso, faço de tudo para o manter no armazém, olhando-lhe ao mesmo tempo para a berguilha a lamber-me, mesmo à descarada. Na memória fica uma vez que ele ajeitou o mastro com a mão e eu cravei lá os olhos, observando bem o vulto que fazia, para depois, com o pretexto de ir apanhar uns papeis numa gaveta em baixo, me baixei espetei bem o cu e mostrei o fio dental que tinha vestido. E ou foi impressão minha, ou o vulto dele ficou maior...

Quando vêm os dois então, ui, que maravilha... Seria uma foda digna de machofucker.com...

0 comentários:

Enviar um comentário